Registro do interior de uma das câmaras da tumba do faraó Tutancâmon, em novembro de 1922.

Registro do interior de uma das câmaras da tumba do faraó Tutancâmon, em novembro de 1922.

Registro do interior de uma das câmaras da tumba do faraó Tutancâmon, em novembro de 1922. A tumba permanecia intacta desde a morte do jovem faraó em 1323 a.c.

A descoberta da tumba de Tutancâmon por Howard Carter, é considerada uma das principais do século XX. Há especulações da provável existência de câmaras escondidas dentro do local, onde estariam os restos da rainha Nefertiti.

O fotógrafo britânico Harry Burton, do Museu Metropolitano de Artes, dos Estados Unidos, foi o único a registrar imagens da descoberta.


Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.

Top Post Ad

Below Post Ad

Subscribe Us