Por que os dedos não se tocam no famoso quadro ′′A Criação de Adão” ?

Por que os dedos não se tocam no famoso quadro ′′A Criação de Adão” ?


Em 1512, Michelangelo finalmente concluiu o mural do teto da Capela Sistina, considerado uma das obras mais famosas da história da arte, os cardeais administradores permaneceram por horas assistindo e admirando este lindo mural. Após análise, eles conheceram o mestre das artes, Michelangelo, e sem qualquer constrangimento, criticaram um detalhe em particular...

A crítica, obviamente, não foi sobre toda a obra, mas sobre um detalhe, aparentemente questionável.

Michelangelo projetou o painel de Adão com os dedos de Deus e Adão se tocando. Os administradores exigiram que não houvesse contato, mas que os dedos fiquem mais distantes um do outro: que o dedo de Deus seja sempre estendido ao máximo, mas que o dedo de Adão esteja com as últimas falanges contraídas.

Um detalhe simples, mas com um sentido surpreendente: Deus está lá, mas a decisão de buscá-lo pertence ao homem. Se ele quiser estender o dedo, ele vai tocar nele, mas se ele não quiser, ele pode passar uma vida inteira sem procurar. A última falange contraída do dedo de Adão representa então o livre-arbítrio.

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.

Top Post Ad

Below Post Ad

Subscribe Us