Mais aumento: viagens da Uber são reajustadas em 6,5% nesta segunda

Mais aumento: viagens da Uber são reajustadas em 6,5% nesta segunda

Segundo a empresa, reajuste é temporário, válido a partir desta segunda-feira (14) e tem por objetivo aumentar os ganhos dos motoristas parceiros



Com o aumento de mais de 18% no valor da gasolina, anunciado na última semana pela Petrobrás e já colocado em prática pelos postos de combustíveis de todo o Brasil, a empresa de transporte por aplicativo Uber enviou um comunicado aos motoristas informando o aumento de 6,5% nas viagens para os usuários.

Segundo o comunicado, o reajuste é temporário, válido a partir desta segunda-feira (14) e tem por objetivo aumentar os ganhos dos motoristas parceiros. O aumento ocorre em todas as cidades e para todos os tipos de viagens.

A empresa ainda ressaltou, no comunicado, que continuará monitorando as condições do mercado nas próximas semanas para reavaliar as iniciativas.

Comunicado encaminhado aos motoristas 

Reajuste faz parte de pacote de medidas


De acordo com a Uber, o reajuste faz parte de um pacote de medidas para ajudar a mitigar os custos dos motoristas parceiros com a mais recente alta dos combustíveis. 

O pacote faz parte de uma iniciativa global da empresa diante da instabilidade no cenário internacional causada pelo conflito no leste europeu, que tem pressionado custos de insumos em todo o mundo, particularmente os combustíveis.

“Sabemos que motoristas estão entre os primeiros a sentir o impacto dos preços recordes dos combustíveis, então estamos implementando essas iniciativas para ajudá-los. Esperamos que essas ações emergenciais colaborem para reduzir os impactos no dia a dia, mas continuaremos ouvindo nossos parceiros, especialmente neste momento”, afirma Silvia Penna, diretora-geral da Uber no Brasil.

Motoristas buscam alternativas para driblar aumentos

Um motorista, que preferiu não ter o nome divulgado, trabalha na plataforma há cerca de 3 anos. Segundo ele, na tentativa de ter mais lucro, o uso de Gás Natural Veicular (GNV) é uma das alternativas encontradas por muitos condutores.
"Eu rodo com GNV, que custava R$ 2,20 quando comecei. Mas, hoje em dia, já custa quase R$ 5. Eu e vários amigos rodamos com o GNV, pois não há condições na gasolina", contou.

Segundo ele, mesmo com alternativas mais em conta de combustíveis, ainda é preciso fazer uma seleção de corridas para evitar que haja prejuízo ao invés de lucro.

"Mesmo no GNV, precisamos escolher bem as corridas, pois algumas não valem a pena. Tem corrida de R$ 5 que não paga nem um litro de gasolina. Com esses aumentos de tudo, está difícil para todo mundo", disse.

Petrobras diz que reajuste foi para evitar desabastecimento


Após os reajustes promovidos esta semana nos preços de gasolina, diesel e gás de cozinha, a Petrobras publicou neste sábado, 12, dois vídeos em sua página na internet justificando os aumentos. Conforme a estatal, o último reajuste foi necessário para manter o fornecimento por todas as empresas, mitigando riscos de desabastecimento.

A empresa diz que não repassou imediatamente a elevação recente nas cotações do petróleo pois "não transmite volatilidade e sabe da importância de contribuir com combustível acessível."

Na publicação, a companhia alega que seu lucro recorde em 2021 pode parecer alto, mas na verdade não é. Segundo a empresa, o lucro é compatível com o tamanho dos investimentos.

A estatal fechou o ano passado com um lucro inédito de R$ 106,7 bilhões. "Você imagina o quanto é necessário de investimentos para produzir o combustível que chega até você. É um investimento bilionário", diz.
De acordo com a Petrobras, a taxa anual de retorno empregado na operação da companhia em 2021 foi de 8%, ficando, conforme a estatal, "apenas 2% acima do custo da sua dívida, um retorno justo."
Tags

Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.

Top Post Ad

Below Post Ad

Subscribe Us