Quem São Os Brasileiros Mais Ricos Do País?

Quem São Os Brasileiros Mais Ricos Do País?

 O número de brasileiros com mais de US$ 1 bilhão aumentou de 42 em 2018 para 58 em 2019, de acordo com o ranking mundial da revista Forbes, indo na contramão do planeta que diminuiu de 2.208 bilionários contra 2.153 neste ano. Em comum a todos eles apenas o fato de dedicarem muito mais tempo ao trabalho que a maioria de nós.

Enquanto não entramos para esse seleto clube, vamos conhecer um pouco mais sobre seus membros na sequência a seguir. Confira!

Walter Faria - US$ 2,3 bilhões

Walter Faria é proprietário do Grupo Petrópolis, segunda empresa de cerveja mais valiosa do Brasil.


Entre as marcas da bebida alcoólica que fazem parte do conglomerado de Walter, estão: Itaipava, Crystal, Lokal Bier, como cervejas mais populares, mas também fermenta a Black Pincess, Petra e Weltenburger Kloster, no cardápio de bebidas Premium, investimento mais recente da companhia e que possui margem de lucro cinco vezes maior que a convencional.

Ana Lúcia de Mattos Barretto Villela - US$ 2,4 bilhões

E na corrida dos bilhões, Ana Lúcia de Mattos Barretto Villela está com Walter Faria na sua cola, por coisa pouca, cerca de 100 milhões de dólares.


Ana Lucia Villela é uma das maiores acionistas da holding Itaúsa, empresa que detém posse majoritária sobre o controle, por exemplo, de gigantes como o Itaú-Unibanco e Duratex. Marcas fundadas pelo seu bisavô, Alfredo Egídio de Souza Aranha. Ana também é presidente do Instituo Alana.

Jayme Garfinkel - US$ 2,5 bilhões

Jayme Brasil Garfinkel é o presidente do conselho de administração da Porto Seguro Seguros, terceira maior empresa do ramo no Brasil.


É o maior acionista da empresa, com 40% das ações. Formado em engenharia civil pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), em 1970 e pós-graduado em administração de empresas pela Faculdade Getúlio Vargas, em 1975, Jayme Brasil Garfinkel é filho de Abrahão Garfinkel, fundador da Porto Seguro.

Alfredo Egydio de Arruda Villela Filho - US$ 2,6 bilhões

Avesso aos holofotes, Alfredo Egydio Arruda Villela Filho é bisneto de Alfredo Egydio de Souza Aranha, fundador do banco Itaú.


Atualmente ele é diretor vice-presidente da Itaúsaholding responsável por controlar o Itaú Unibanco, Duratex, Elekeiroz, Itautec e Alpargatas. É formado em engenharia mecânica pelo Instituto Mauá de Tecnologia e pós-graduado em administração pela Fundação Getúlio Vargas. Ele e a irmã, Ana Lúcia de Mattos Barretto Villela, foram criados pela tia Milú Villela após a morte do pai e da mãe num acidente de avião, em 1982.

André Esteves - US$ 3 bilhões

André Esteves fez carreira no banco Pactual. Ingressou na instituição no final da década de 1980, como analista de sistemas, aos 21 anos, quando estava na faculdade. Poucos anos mais tarde, tornou-se sócio da empresa.


Em 2006, o grupo suíço UBS comprou o Pactual, dando origem a UBS Pactual – com Esteves a frente das operações. Após trajetória no Banco Pactual, André Esteves se juntou a um grupo de sócios e criou a BTG Investments – empresa com cultura similar ao do banco Pactual. André veio de uma família de classe média e foi criado somente pela mãe.

Walther Moreira Salles Júnior - US$ 3,1 bilhões

Cineasta premiado, Walter Salles é responsável por filmes como Central do Brasil – obra pela qual recebeu, entre outros, o Globo de Ouro de Melhor Filme Estrangeiro, em 1999, mas sua fortuna vem do fato de ser um dos herdeiros de Walter Moreira Salles e acionista do Itaú Unibanco.


Ao lado do irmão João Moreira Salles, Walter Salles, ou Waltinho, como é chamado por alguns, fundou a produtora VideoFilmes, em 1987.

Pedro Moreira Salles - US$ 3,1 bilhões

Ah! Como serão os almoços de domingo da família Moreira Salles? Filho de Walter Moreira Salles e Elisa Gonçalves, Pedro Moreira Salles é o atual presidente do conselho administrativo do Itaú Unibanco e do conselho diretor da Federação Brasileira de Bancos.


Nascido em Washington, nos Estados Unidos, tem 58 anos de idade. Pedro Moreira Salles é, ao lado do irmão Fernando Roberto Moreira Salles, o único da família que faz parte do corpo administrativo do Itaú Unibanco.

João Moreira Salles - US$ 3,1 bilhões

João Moreira Salles entrou para a indústria cinematográfica incentivado pelo irmão Walter Salles Júnior, diretor de cinema. Em 2006 criou a revista Piauí. Filho de Walter Moreira Salles, João Moreira Salles compõe, ao lados de seus três irmãos, uma das famílias mais ricas do Brasil.


Juntos, os acionistas do Itaú Unibanco têm patrimônio estimado em mais de US$ 20 bilhões. Chegou a se formar em economia na PUC-RJ, mas encontrou-se no cinema. O longa Santiago, lançado em 2007 e dirigido por João Moreira Salles, foi incluído no livro 100 Melhores Filmes Brasileiros de Todos os Tempos, organizado pela ABRACCINE.

Fernando Roberto Moreira Salles - US$ 3,1 bilhões

A família Moreira Salles realmente está com tudo! Fernando Roberto Moreira Salles é um dos grandes acionistas do Itaú Unibanco e da Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração (CBMM).


Da família, apenas Pedro Moreira Salles e Fernando Roberto Moreira Salles atuam efetivamente na administração do Itaú Unibanco, como presidente e conselheiro, respectivamente. Formado pela Fundação Getúlio Vargas, Fernando Roberto Moreira Salles é casado, pai de dois filhos. Repare que a fortuna estimada dos irmãos é bem parecida.
 













Postar um comentário

0 Comentários
* Por favor, não spam aqui. Todos os comentários são revisados ​​pelo administrador.

Top Post Ad

Below Post Ad

Subscribe Us